Voz da Diocese

Deixa o Senhor caminhar contigo!
10/03/2019

Estimados Diocesanos! Iniciamos o tempo de quaresma, recebendo em nossas cabeças as cinzas, como sinal de quem se dispôs a percorrer um caminho de conversão interior, marcado pela humildade que, sem fingimento, coloca-se diante da misericórdia de Deus. Diante do amor do Pai, sou filho, embora possa nem sempre valorizar a sua presença na minha vida.

Entre rebeldia, fragilidade e esperança, posso ir consumindo a minha breve vida. Mas posso também deixar as marcas da minha presença neste mundo, através da fé, do amor, da caridade, da solidariedade, da minha disponibilidade em estar a serviço do Evangelho, dos irmãos e irmãs na sociedade.

A Quaresma é um caminho de purificação, de esvaziamento interior e crescimento espiritual, que acontece não de forma mágica, mas através das minhas atitudes de fé e vida. Um tempo especial, no qual nós nos preparamos para celebrar a Páscoa do Senhor Jesus. Ela nos provoca e nos convoca à conversão, mudança de vida: a cultivar o caminho do seguimento de Jesus Cristo. Como discípulos e discípulas do Senhor Jesus, abraçamos o Evangelho da vida, da comunhão, da fraternidade, da solidariedade, da paz, do “direito e da justiça”, como nos lembra a Campanha da Fraternidade deste ano.

É um santo costume percorrer no tempo de Quaresma um caminho de purificação através da esmola, do jejum e da oração, para nos aproximarmos da misericórdia de Deus. Mas não esqueçamos que, no caminho para nos aproximarmos de Deus, encontramos primeiro os irmãos e irmãs que vivem em situações precárias à beira da estrada da nossa “sociedade”. Podemos dizer que o jejum faz bem para fins estéticos, tão exaltados em nossos dias, mas ganha um contorno diferente quando movido pela dimensão espiritual, que não é movido só pela renúncia da comida para manter em forma o corpo, mas para elevar o espírito e praticar a caridade e a partilha com os mais necessitados, através do exercício das obras de misericórdia, corporais e espirituais.

Que o caminho quaresmal possa deixar profundas marcas no teu coração, por sentires mais de perto a presença do Senhor que caminha contigo, a sua misericórdia que reabilita a tua condição de filho e ajuda a despertar o  bom samaritano que existe em ti, para o bem da comunidade.

Tende todos um bom domingo.

+ Dom José Gislon, OFMCap - Bispo Diocesano de Erexim.

- Dom Frei José Gislon